sexta-feira, 1 de julho de 2011

Novo padrão de tomadas brasileiras

Fonte: Bom dia Brasil

Edição do dia 01/07/2011
01/07/2011 07h51 - Atualizado em 01/07/2011 07h51
Fonte: Tecnocracia

 Novo padrão de tomada entra em vigor nesta sexta-feira (1º)

Fonte: http://blogfoks.com.br/?p=249

As lojas só vão poder vender as tomadas novas de três pinos. Todos os produtos eletroeletrônicos deverão ser vendidos com o plugue novo.

A partir desta sexta-fera (1º), não tem jeito, não tem prorrogação e não tem desculpa. As lojas só vão poder vender as tomadas novas de três pinos.
Adaptadores, tomadas e plugues têm sido os produtos mais vendidos em uma loja especializada em materiais elétricos e de construção. Tanta procura é por causa da padronização das tomadas brasileiras, uma exigência do Inmetro.
É uma mudança que começou nas indústrias há dois anos, e desde janeiro de 2011 as lojas não vendem mais os modelos antigos. Agora, só com três pinos. A partir de sexta-feira (1º), todos os produtos eletroeletrônicos só poderão ser vendidos com o plugue novo. O dentista Maurício Barreto vem aos poucos se adaptando às mudanças.
“Temos que adequar alguns terminais do consultório para adequar os novos aparelhos”, diz Maurício.
O técnico em microeletrônica Edgar Carneiro abriu mão de uma mudança geral na fiação. Ele preferiu os adaptadores. “A gente vai adaptando de acordo com a necessidade”, conta.

Novo padrão de tomadas e plugues conheça as vantagens

Fonte: Ponto do Edu
POSTADO EM 11 março 2011| Nenhum Comentário
Postar no Twitter <<>> Curtir no Facebook
Neste post vamos ver um pouco sobre o novo padrão de tomadas e plugues, para que você também fique por dentro e saiba os benefícios que as tomadas NBR nos dá.
Desde 1º de janeiro de 2010, o NBR 14136 é o padrão oficial de tomadas no Brasil. A venda de outros tipos de tomada é proibida pelo Inmetro desde esta data. O padrão foi escolhido por ser mais seguro e por contar com o condutor terra. Há o modelo apropriado para aparelhos que necessitem de corrente de 10A e até 20A.
A grande mudança para as tomadasé o baixo relevo de 8 a 12 milímetros, em formato de hexágono, onde será encaixado o plugue. Os técnicos do Inmetro acreditam que com isso os consumidores, principalmente as crianças, não correrão mais o risco de tomar choques elétricos.
No caso dos plugues a maior mudança é com relação aos aparelhos que necessitam de aterramento. Por isso, conforme as características do aparelho, o plugue poderá ter dois ou três pinos. O terceiro pino é destinado para o fio terra. Nesses casos todos os aparelhos que exijam aterramento deverão ter esse recurso. Quanto ao diâmetro é a corrente elétrica que vai determinar o tipo dos pinos. Assim, será impossível inserir o plugue de um aparelho que demanda maior potência em uma tomada que não seja adequada.
Padronizacao das tomadas
Padronizacao das tomadas
Está proibida a fabricação de “benjamins”, (conhecidos como “Ts”). Eles serão substituídos por soluções mais seguras. Isso evitará a sobrecarga de um único ponto da rede elétrica, exigindo mais planejamento nas instalações. Ele será substituído por um novo adaptador, que terá limite de conectividade. A segurança não é só do consumidor, mas também das instalações.

Cumpridas todas as etapas de criação do padrão brasileiro de plugues e tomadas, todas terão de estar de acordo com as normas estabelecidas pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). A partir de julho de 2011, todos os segmentos deverão estar adaptados, inclusive o comércio. Não será mais permitida a comercialização de outros modelos. Todos deverão sair de fábrica e serem importados respeitando os novos padrões.
Segurança contra choque elétrico:
Em função do rebaixo existente na configuração desta tomada, evita-se o contato com as partes energizadas dos plugues, fato este muito comum quando um plugue está parcialmente inserido na tomada ou quando ocorre uma inserção unipolar deixando um dos pinos energizado exposto ao contato do usuário.
Tomadas padrão
Chega de mau contato:
Como a nova tomada possui três entradas ao contrario de duas da anterior, o encaixe fica mais compacto eliminando a possibilidade de mau contato e mau encaixe ou até mesmo a ligação do plugue na tomada de forma errada.
Tomada e plugue
De acordo com o inmetro hoje, no Brasil, existem mais de dez modelos de plugues diferentes e quantidade semelhante de tomadas, gerando uma situação de risco de choque elétrico ao usuário e de sobrecarga na instalação elétrica (conexão de aparelhos projetados para tensões e correntes diferentes da tomada) e desperdício de energia, através da dissipação de calor (uso de adaptadores inadequados para conectar muitos equipamentos em uma única tomada). O novo padrão é sinônimo de segurança e economia.
A mudança é para valer. Todo este esforço tem um só objetivo: aumentar a segurança dos usuários de plugues e tomadas, reduzindo o risco de choques elétricos, mal contato nas tomadas e desperdício de energia elétrica.
E você o que está achando do novo padrão de tomadas e plugues, dê sua opinião. Comente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário